Coreia do Norte faz mais de 130 disparos como alerta

Lançamentos ocorreram depois de exercícios da Coreia do Sul e EUA

Porto Velho, RO -
A Coreia do Norte disse que fez mais de 130 disparos de artilharia no mar, nas costas leste e oeste, nesta segunda-feira (5), depois de detectar exercícios militares do outro lado da fronteira, no Sul.

Alguns dos disparos chegaram a uma zona de segurança perto da fronteira do mar, o que Seul disse ser violação de um acordo intercoreano de 2018, que visa a reduzir tensões.

Os militares sul-coreanos enviaram vários alertas à Coreia do Norte sobre o disparo, informou o Ministério da Defesa em comunicado.

Os militares da Coreia do Norte fizeram os disparos depois de detectar dezenas de projéteis no Sul, perto da fronteira compartilhada, informou a agência de notícias estatal KCNA, citando um porta-voz do Estado-Maior do Exército Popular da Coreia.

"O inimigo deve cessar imediatamente as ações militares que causam a escalada de tensões em áreas próximas às linhas de frente, onde é possível a vigilância visual", disse o porta-voz, alertando que a Coreia do Norte responderia firmemente e com ação militar esmagadora a qualquer provocação.

A Coreia do Sul e os Estados Unidos estavam conduzindo exercício conjunto perto da fronteira no condado de Cheorwon, no meio da península, nesta segunda-feira. O exercício continuará amanhã.


Fonte: Agência Brasil

Postar um comentário

Please Select Embedded Mode To Show The Comment System.*

Postagem Anterior Próxima Postagem