Rondônia é nota máxima em capacidade de pagamento pelo 3º ano consecutivo

Rondônia continua com nota máxima em capacidade de pagamento de acordo com avaliação da Secretaria do Tesouro Nacional

Porto Velho, RO
- A boa notícia chegou nesta semana, com a publicação da nota definitiva da Secretaria do Tesouro Nacional do Ministério da Economia, na avaliação da Capacidade de Pagamento dos estados brasileiros – Capag. Rondônia foi avaliada com nota A, pelo terceiro ano seguido, nos 3 quesitos avaliados: poupança corrente, a liquidez do Estado e endividamento.

Essa avaliação é referente ao ano de 2021. O Estado de Rondônia segue com nota Máxima desde 2019, já que em 2018 foi classificado como B. O sistema de notas do Tesouro Nacional para analisar a CAPAG, varia nas notas finais de A até D, em que a nota A demonstra uma situação fiscal equilibrada positiva e D uma situação fiscal de risco elevado.

A Capag nada mais é que uma avaliação de risco, em que o Tesouro Nacional avalia a situação fiscal dos estados e identifica os que estão em condições de honrar os compromissos. Para a conclusão final, a metodologia utilizada para cálculo é a somatória dos 3 indicativos. O endividamento, demonstra a proporção da dívida em relação à receita corrente líquida. A poupança corrente, é a diferença das despesas e receitas correntes. E o índice de liquidez, indica o nível de obrigações financeiras em concordância com a disponibilidade de caixa.

Além de ser uma maneira de saber como se encontra as contas do Estado, também serve para definir quais estados estão elegíveis para adquirirem empréstimos com garantias da União. Ser avaliado como um bom pagador tem inúmeros benefícios, e um deles é a possibilidade de acessar financiamento com juros mais baixos.

Para o secretário de Estado de Finanças, Luís Fernando Pereira, a nota mostra a solidez fiscal que Rondônia apresenta. “Isso significa que o Estado mantém as condições de honrar todos os seus compromissos, o que é muito bom para o ambiente econômico e para atração de investimento”.


Fonte: Governo de Rondônia

Postar um comentário

Please Select Embedded Mode To Show The Comment System.*

Postagem Anterior Próxima Postagem