Aluna da escola Casimiro de Abreu, de Nova Mamoré, é campeã de judô nos Jogos Escolares Brasileiro

 

Aluna Maria Vitória representou o estado de Rondônia na competição nacional

Porto Velho, RO - Com o incentivo da Secretaria de Estado da Educação – Seduc, o Estado de Rondônia foi representado por sua delegação, composta por 274 pessoas, nos Jogos Escolares Brasileiro – JEB. A região Madeira-Mamoré teve medalhista nos Jogos Escolares, trata-se da aluna do 7º ano da escola Estadual Casimiro de Abreu, do município de Nova Mamoré, Maria Vitória Pontes, de 13 anos.

A aluna foi campeã brasileira de judô categoria médio até 58kg, trazendo a medalha de ouro para Rondônia. Os JEBs vêm ocorrendo desde o início do mês de novembro no Parque Olímpico, no Rio de Janeiro. Maria Vitória foi a única representante da região do Madeira-Mamoré que foi medalhista de ouro em Rondônia, na competição nacional escolar, ao vencer na Série Bronze.

A estudante participou dos jogos, superou todas as barreiras e conquistou a medalha de ouro, representado muito bem Rondônia nas competições escolares carioca de judô, categoria médio até 58kg. Os Jogos Escolares Brasileiro vêm ocorrendo no Parque Olímpico, desde o início do mês de novembro, no Rio de Janeiro. Maria Vitória foi a única representante da região do Madeira-Mamoré, medalhista de ouro em Rondônia, na competição nacional escolar, ao vencer na Série Bronze. Os JEBs encerraram nesta terça-feira (15) de novembro.

ATLETA

A medalhista Maria Vitória é atleta desde os 7 anos de idade, praticando em uma academia no município de Nova Mamoré, ao total ela já conquistou 24 medalhas neste tipo de competição, sendo esta a sua primeira conquista no brasileiro, representando o Estado de Rondônia.

A campeã esteve na CRE de Guajará-Mirim mostrando sua medalha.

Para a atleta foi significante a competição, destacando todo o apoio dos familiares, da escola e da equipe envolvida com a participação dos alunos nos JEBs.

Para a diretora da escola Cassimiro de Abreu, Delcilene Rubira Fogaça, a participação da aluna significou: “incentivo aos colegas, mostra que tudo é possível. Não foi fácil ela chegar lá, teve tudo uma dificuldade, e com ela a gente teve a certeza de que tudo é possível. Hoje ela é nosso modelo de exemplo”.

A coordenadora Regional de Educação de Guajará-Mirim, Eunice de Oliveira Pires Santos enalteceu elogios à aluna e manifestou sua gratidão pela dedicação da aluna ao esporte e aos estudos. “Maria Vitória é um exemplo de estudante para a escola e toda a rede estadual. Sinto muito orgulho dessa conquista, de uma aluna que vem de escola pública e sei o quanto esse reconhecimento é importante”.

Postar um comentário

Please Select Embedded Mode To Show The Comment System.*

Postagem Anterior Próxima Postagem