O dia 27 de outubro na história de Porto Velho, Rondônia, Brasil e Mundo

O DIA NA HISTÓRIA

Lúcio Albuquerque

Whatsapp 69 99910 8325

BOM DIA quinta-feira 27 de OUTUBRO

HOJE É

Dia do Engenheiro Agrícola. Dia internacional do Patrimônio Audiovisual. Dia Nacional de Mobilização Pró-Saúde da População Negra. Dia Nacional de Luta pelos Direitos das Pessoas com Doenças Falciformes.

Católicos celebram São Vicente, Santa Sabina, Santa Cristeta

RONDÔNIA

27 – 1733 – O governo de Portugal proíbe a navegação estrangeira pelos rios Madeira, Guaporé e Mamoré (26)

27 – 1927 – Por Lei municipal a prefeitura doa à Prelazia de Porto Velho área para construir o Hospital “São José” (Antonio Cantanhede, Achegas para a História de Porto Velho).

27 – 1930 – Por intervenção do capitão Aluízio Ferreira, a greve de trabalhadores da Madeira-Mamoré contra a empresa que administra a ferrovia devido a salários atrasados. (Emanuel Pontes Pinto, “Território Federal do Guaporé”, pág 137) 

27 – 1965 – O deputado federal Renato Medeiros, PTB-RO, líder do grupo pele-curta, tem o mandato cassado pelo Ato Institucional número 2.

BRASIL

1892 – Nasce Graciliano Ramos, escritor, principal obra “Vidas Secas” (m. 1953). 

Em 1912 — Inaugurado o Bondinho do Pão de Açúcar (RJ), único totalmente transparente.  

1935 – Nasce Maurício de Souza, escritor, grande nome no cartunismo no Brasil, e criador da Turma da Mônica. 

1965 — O presidente Castelo assina o Ato Institucional nº 2 extinguindo os partidos políticos, tornando indireta a eleição para presidente. 

MUNDO

312 — O imperador romano Constantino tem “Visão da Cruz”, o que o faz ser batizado. 

1553 — Acusado pelo líder calvinista João Calvino, o italiano Miguel Servet é queimado na fogueira em Genebra. 

1951 — Em Toroonto, CAN, feita a 1ª radioterapia  através de uma bomba de cobalto.

FOTO DO DIA

10 dias depois de o TRE citando a legislação vigente, reconvocar o candidato Osvaldo Piana 3º colocado na disputa pelo governo estadual, devido a morte do candidato Olavo Pires, sua coligação, a “Vontade do Povo”, tentou e não conseguiu que o mesmo TRE revogasse sua decisão anterior e aceitasse que o grupo de Olavo lançasse um novo candidato – havia três pretendentes, o ex-deputado federal Chagas Neto, o administrador Teobaldo Viana e o economista Bosco Almeida. 

O advogado Gilberto Cavalcante disse, sem citar quais, ter consultado dois ex-ministros do TSE e que eles teriam admitido a possibilidade de uma nova decisão, o que acabou não acontecendo. 

Realizado o 2º turno, Piana tornou-se o primeiro e único natural de Rondônia a governar o Estado, desde a época do Território (F. Alto Madeira, 27.10.90 – Arte Luís Claro)

Postar um comentário

Please Select Embedded Mode To Show The Comment System.*

Postagem Anterior Próxima Postagem