Brasileiro Feminino: Sport, Taubaté e 3B garantem acesso na Série A3

Além de vaga à semifinal, times estão confirmados na Série A2 de 2023

Porto Velho, RO
- Três dos quatro acessos da Série A3 (terceira divisão) do Campeonato Brasileiro de Futebol Feminino foram confirmados neste sábado (23). Sport, Taubaté e 3B da Amazônia levaram a melhor nos respectivos confrontos das quartas de final, garantindo lugar na próxima fase e na Série A2 (segunda divisão) de 2023. Os duelos pelas semifinais estão previstos para 6 e 13 de agosto.

Na Ilha do Retiro, em Recife, o Sport empatou por 2 a 2 com o VF4-PB e se beneficiou da vitória por 2 a 0 no duelo de ida, há uma semana, no Almeidão, em João Pessoa. Josy e Lu Meireles marcaram para as visitantes e as também atacantes Layza e a meia Ísis balançaram as redes para as Leoas.

O adversário das rubro-negras nas semifinais será o 3B, que venceu o Ypiranga-AP por 1 a 0 na Arena da Amazônia, em Manaus, com um golaço de voleio da atacante Paulinha, no fim da partida. O placar foi o mesmo do triunfo amazonense no jogo de ida, no Zerão, em Macapá, no último sábado (16).

No Joaquinzão, em Taubaté (SP), a equipe da casa recebeu o Ipatinga e segurou a igualdade em 1 a 1. As mineiras saíram na frente com a atacante Letícia Nunes, mas a meia Lene igualou para as anfitriãs, que já tinham ganhado o primeiro jogo no Ipatingão, na semana passada, por 3 a 0.

As paulistas aguardam o vencedor do confronto entre Toledo-PR e Vila Nova-GO, que se enfrentam neste domingo (24), às 15h30 (horário de Brasília), no estádio 14 de Dezembro, em Toledo (PR). As goianas ganharam o jogo de ida, no último sábado, por 2 a 0, no estádio Onésio Brasileiro Alvarenga, em Goiânia. Quem avançar, assegura, também, a quarta e última vaga desta Série A3 à segunda divisão do ano que vem.

A criação da Série A3 foi uma das novidades do calendário do futebol feminino brasileiro em 2022. A competição reuniu os 27 times com melhor campanha nos respectivos campeonatos estaduais e que não estivessem em divisões superiores, as quatro equipes mais bem posicionadas no ranking nacional de clubes masculino (que serão substituídas, ano que vem, pelos quatro rebaixados da Série A2) e um representante da federação melhor colocada no ranking feminino, totalizando 32 participantes.

As equipes foram distribuídas em confrontos mata-mata, com jogos de ida e volta. Antes de eliminar o VF4, o Sport deixou para trás o rival Náutico (1 a 1 e 3 a 0) e o Doce Mel-BA (1 a 0 em ambos). O Taubaté passou por Realidade Jovem-SP (2 a 0 e 2 a 1) e Vila Nova-ES (2 a 1 e 2 a 2), além do Ipatinga. Já o 3B chegou para o duelo com o Ypiranga depois de superar Rio Branco-AC (4 a 0 e 6 a 1) e Barcelona-RO (1 a 0 e 2 a 1).


Fonte: Agência Brasil

Postar um comentário

Please Select Embedded Mode To Show The Comment System.*

Postagem Anterior Próxima Postagem