Emater apresentará novas técnicas para o setor produtivo durante a 9º Rondônia Rural Show Internacional

Vitrine Tecnológica possui uma área de um hectare e o local vem sendo preparado por técnicos da Emater

Porto Velho, RO - Já está tudo pronto para todos que visitarem a Rondônia Rural Show Internacional, conhecerem e aprenderem novas técnicas de cultura para o aumento da produção. 

No local a Entidade Autárquica de Assistência Técnica e Extensão Rural do Estado de Rondônia – Emater/RO realiza os últimos ajustes na Vitrine Tecnológica da feira onde serão apresentados exemplos de produção com as práticas recomendadas. A área possui um hectare e desde o ano passado o local vem sendo preparado por técnicos da Emater.

Este ano o espaço vai apresentar uma área de preservação permanente, com lavouras de café, cacau, abacaxi, banana e urucu, que vem sendo cultivada em larga escala nos municípios do Estado. Também será apresentado espaço de pastagem com três unidades demonstrativas de capim com destaque para o capiaçu. O capim conhecido como BRS Capiaçu ou capim-elefante foi desenvolvido pela Embrapa com uma alta fonte de nutrientes que pode ser fornecido diretamente no cocho ou por silagem.


O espaço vai apresentar uma área de preservação permanente, com lavouras de café, cacau, abacaxi e outros

O cacau é uma cultura anual, e para produzir o produtor consorcia com a banana e com a mandioca. Na feira a Emater vai apresentar uma palestra sobre as abelhas. Através de orientações de técnicos que irão esclarecer a importância dos insetos para polinização das plantas e da produtividade. Outro ponto é a fruticultura com destaque para abacaxi, maracujá e laranja que faz parte de um pomar presente na vitrine.

Rondônia tem o título de terceiro melhor cacau do Brasil. Com a retomada da cacauicultura, o cacau volta a ser uma das cadeias produtivas mais forte do Estado. Além de ser uma árvore de reflorestamento o cacau promove renda a produtores rurais. Para a cadeia do leite serão realizadas algumas demonstrações de método práticos do uso de suplementação de animais no período da seca.

Durante a feira serão disponibilizados passeios informativos sobre essências nativas para uso em áreas a serem recuperadas. No caminho serão feitas demonstrações de métodos e custos para recuperação de nascentes. Além da caminhada na trilha ecológica. 

No local serão oferecidas demonstrações de métodos de altura de entrada e saída de animais das pastagens, exposições dos materiais com dados do projetos inseminar. E amostra de equipamentos para fomento da atividade leiteira no Estado. O vice-presidente da Emater, Anderson Kühl, destaca que a Vitrine Tecnológica é um dos focos da Emater pois vai destacar as cadeias produtivas de Rondônia ligadas a agricultura familiar.


Serão feitas demonstrações de métodos de altura de entrada e saída de animais das pastagens

“As demonstrações de suplemento animal serão trabalhadas na feira com os produtores na prática. A cacauicultura também será destaque voltada a produtividade por área. No setor de piscicultura será disponibilizado um laboratório móvel onde será feita análise de água através de uma equipe da Emater. Vai ter uma trilha onde os produtores irão caminhar por todas as cadeias produtivas e aprender novas técnicas de cultura”, afirmou o vice-presidente.

Além disso, técnicos irão oferecer créditos aos produtores rurais, palestras e orientações com os temas: saneamento básico, trabalho infantil, direito da mulher e saúde pública. Todos os anos a Emater/RO é responsável pela locomoção dos produtores rurais para a feira com a disponibilidade de ônibus, esse ano serão 69 localidades do Estado para levar produtores rurais, para a 9ª edição da Rondônia Rural Show, que acontece entre 23 e 28 de maio, em Ji-Paraná.


Fonte: Governo do Estado de Rondônia 

Postar um comentário

Please Select Embedded Mode To Show The Comment System.*

Postagem Anterior Próxima Postagem