Zverev ficará sob vigilância da ATP por um ano após ter pena suspensa

 Tenista teve explosão de raiva ao perder nas duplas do ATP de Acapulco 


Porto Velho, RO - A entidade que rege o tênis masculino decidiu colocar o número três do mundo Alexander Zverev sob vigilância por um ano depois de colocar em suspenso uma pena de oito semanas por bater sua raquete contra a cadeira do árbitro no evento ATP 500 do mês passado em Acapulco, ato que o levou a ser expulso do torneio.

Zverev foi multado em US$ 20 mil (o equivalente a R$ 101,6 mil) por insulto verbal, US$ 20 mil ((R$ 101,6 mil) por conduta antidesportiva e perdeu mais de R$ 31 mil dólares R$ 157,5 mil) em prêmios em dinheiro e todos os pontos de classificação ganhos em jogos de simples e duplas no torneio mexicano.

Após uma revisão, a ATP concluiu que o alemão de 24 anos cometeu "comportamento agravado" e emitiu uma multa adicional de US$ 25 mil (R$ 127 mil) e uma suspensão de oito semanas de qualquer evento da ATP.

A entidade disse, no entanto, que a suspensão e a multa adicional foram suspensas, desde que Zverev não cometa mais infrações antidesportivas que levem a multas por um período de um ano após o incidente em Acapulco.

Depois de perder nas duplas em Acapulco e chateado por uma decisão do árbitro durante a partida, Zverev aproximou-se da cadeira do árbitro Alessandro Germani e chegou perigosamente perto de acertá-lo ao bater por algumas vezes na cadeira do árbitro com a raquete.

Zverev, que era o atual campeão de simples do torneio, pediu desculpas por seu comportamento.
 
Fonte :Agência Brasil

Postar um comentário

Please Select Embedded Mode To Show The Comment System.*

Postagem Anterior Próxima Postagem