Ivo Cassol tieta Jair Bolsonaro em Rondônia após dizer que não precisa dele: “Ele é que precisa de mim”

O ex-governador chegou a dizer que o presidente da República “Não é nenhuma Brastemp”

Porto Velho, RO – O ex-governador e ex-senador de Rondônia Ivo Cassol, do Progressistas, aproventou a passagem do presidente da República Jair Bolsonaro (PL) pelo estado para tietá-lo. Na foto, aparece com a irmã, a deputada Jaqueline Cassol, do mesmo partido, e Luiz Cláudo, ex-deputado, que deixou o PL.

O encontro ocorre após Cassol dizer, em entrevista ao site Painel Político, que o regente do Palácio do Planalto “Não é nenhuma Brastemp”.

Além disso, o político rondoniense também foi enfático ao sacramentar: “Bolsonaro é que precisa de mim”.

As declarações forem reverberadas pelo jornal eletrônico Rondônia Dinâmica em editorial veiculado no dia 14 de janeiro.

RELEMBRE

Ex-governador de Rondônia, Cassol mexe no vespeiro ao dizer: “Bolsonaro é que precisa de mim” e “não é nenhuma Brastemp”

“Eu sou Bolsonaro. Eu não sei como ele vai conduzir Rondônia. Tem muita gente que precisa do Bolsonaro para se eleger. Não é meu caso. Ivo Cassol tem nome próprio, identidade própria. Então, na verdade é inverso: seria o Bolsonaro que precisa de mim, não eu que precisava dele nestas eleições”, declarou à ocasião.

E prosseguiu:

“Eu não preciso justificar nada, já outros precisam de carona. Nessa eleição agora é o seguinte: é cada um por si e ‘Deus’ por todos. Bolsonaro não é nenhuma ‘Brastemp’ mas é a opção que a gente tem”, concluiu.

Cassol pretende concorrer ao Governo de Rondônia em 2022, mas, para que isso ocorra, depende do mesmo Supremo Tribunal Federal (STF) que o sentenciou criminalmente por fruade em licitação.

Por ora, seus direitos políticos estão suspensos. O STF, no entando, por conta da extenda agenda, adiou o julgamento que visa alterar a Lei da Ficha Limpa.

Fonte: Por Rondoniadinamica

Postar um comentário

Please Select Embedded Mode To Show The Comment System.*

Postagem Anterior Próxima Postagem