URGENTE

FESTIVAL DO TAMBAQUI EM ROLIM DE MOURA

EVERALDO FOGAÇA, Dr ALCIR E
PINHEIRO DE LIMA (VOZDERONDONIA.COM).

PRIMEIRA DAMA IVONE CASSOL E DEP. MARINHA RAUPP APOIANDO O CORPO DE BOMBEIROS DE ROLIM DE MOURA.
Aconteceu domingo passado (27), a 10ª edição da FESTA DO TAMBAQUI onde centenas de rondonienses e até visitantes de outros Estados participaram em Rolim de Moura, um dos eventos turísticos mais prestigiados em Rondônia. Há 10 anos, um grupo de piscicultores criou o festejo, que se transformou em mostra da culinária e produção do pescado rondoniense. No cardápio, 10 maneiras diferentes de servir o peixe mais consumido na região Norte do País.
O Colossoma macropomum, também conhecido como Pacu vermelho, há muito tempo deixou de ser encontrado com facilidade nos rios da Amazônia, devido à pesca predatória. No início da década de 1990, incentivados por órgãos públicos, admiradores da espécie passaram de predadores a criadores, construindo represas especiais para a criação do pescado. Nascia, então, o tambaqui de cativeiro, cultura que hoje é lucrativa em praticamente todos os municípios do Estado.
“Rondônia hoje é considerado um exemplo de trato com o tambaqui para o restante do País. Só aqui na região de Rolim de Moura são mais de 250 toneladas de produção por ano.

Nenhum comentário