URGENTE

CURTAS & RÁPIDAS POR JVASQUEZ

CURTAS & RÁPIDAS - Por JVASQUEZ

ALEGRIA DE “PEC” DURA POUCO

O sofrimento continua. Pela enésima vez a PEC da Transposição foi empurrada ladeira abaixo. Possivelmente, na quarta-feira (07) próxima o documento deverá ter o seu desfecho fatal.

São tantas emoções nessa PEC. Hehehe! Diria o rei Roberto Carlos, caso fosse servidor público estadual de Rondônia.

Em tempo: uma goiabada Cascão para quem adivinhar que fim levará a PEC.

Essa é facílima.

CAIU NA REDE

Foi-se o tempo em que índio queria apito. O TJ rondoniense, por meio da presidente desembargadora Zelite Carneiro, doou cinco computadores à tribo karitiana.

Por conta da chegada da internet banda larga, tá rolando uma festa do arromba, na aldeia, que não tem hora, nem dia para terminar.

CIFRA$

Interessantes as mensagens implícitas de alguns programas policiais do meio-dia, veiculados nas TVs em Porto Velho.

Alguns apresentadores falam abertamente em “jabá”, outros dizem que mais tarde passam lá para pegar a “peixada”.

E por aí vai...

ÁGUIA AZUL

Por enquanto, e espero que se porte corretamente ético enquanto apresentador, o radialista Águia Azul está mandando muito bem no ‘Comando Policial’ (TV Allamanda, canal 12).

Não fala em jabá, tampouco em peixada.

AQUELE ABRAÇO!

A crise diplomática em Honduras envolvendo o Brasil continua. Entre tanques, cassetetes, jato d’água e o raio que o parta, o presidente golpista Nicholetti deu um jeito, em pleno discurso, de mandar um forte abraço ao senhor Da Silva.

Vá entender.

IMPRESSO

Já está nas melhores e concorridas bancas de revistas e jornais de todo o Estado, o exemplar nº 043, versão impressa, do site viamazonia.com.

No prelo mais de 5 mil exemplares.

Vale a pena passar a vista.

DA MESMA (ZE) LAIA?

O chanceler brasileiro Celso Amorim declarou que não é da estirpe do presidente deposto.

Hummm!

EFEITO 1

A propaganda do governo estadual pedindo à população que procure o HPS João Paulo II só em casos de desgraça extrema surtira efeito: inchaço nas policlínicas de Porto Velho.

EFEITO 2

O secretário municipal de saúde Williames Pimentel está se virando para conseguir mais dois aparelhos de Raio-X.

O município só dispõe de um aparelho para atender cerca de 500 mil habitantes, e só funciona de segunda a sexta-feira, em horário comercial.

Quem passou a fita foi o governador Ivo Cassol, durante entrevista ao programa do líder do prefeito na Câmara, Marcelo Reis, que teve que engolir, a seco, balbuciando.

MAIS UMA

Se depender do alcaide Roberto Sobrinho, os bêbados de Porto Velho jamais serão taxados de cair na sargeta.

Durante um programa televisivo, o alcaide confessou que faz asfalto, porém sem a devida sarjeta.

MÉDICO DA FAMÍLIA

O alcaide, que só fala na primeira pessoa do singular: “eu”, “eu”, “eu” e “eu de novo”, por pouco não agrediu uma apresentadora de TV durante o programa.

Foi de uma indelicadeza impar com a moça, deixando o governador Ivo Cassol no chinelo.

Talvez, esquecera de tomar o gardernal. Estava totalmente transtornado.

REPERCUTE

O psiquiatra aposentado e dono de faculdade, Aparício Carvalho, está doido (já pensou um psiquiatra doido) para requisitar a fita que poderá ser disponibilizada em um dos cursos da Fimca.

E POR FALAR

Os ex-pacientes do médico psiquiatra Aparício Carvalho estão ‘doidos’ de saudade do profissional.

Aparício se identificava perfeitamente com a demanda.

MERCADO CENTRAL

Desta vez é pra valer. O prefeito Roberto “Obras Inacabadas” Sobrinho, garantiu que em seis meses entregará o Mercado Central, novinho em folha.

Lá se vão mais de dois anos, quando Roberto “Cascão” garantiu a mesmíssima coisa.

Dona Mariquinha da tapioca está piamente acreditando.

Coitada!

QUIZ

Qual a maior praga que assolou Porto Velho nas duas últimas administrações?

a) boate Baco

b) boate Informal

c) boate Versátil

d) ou a prefeitura de Porto Velho.

PS: as boates retro citadas (GLBT) são do balacobaco, agora, quanto à alcaldia...

MISSIVAS VIRTUAIS

Recebi e recebo vários e-mails, porém três deles vou dar-me o trabalho de responder, se bem que nem merecem.

Quanto ao Bar do Bolívia, o endereço e na Joaquim Nabuco com Duque de Cachaça, digo, Caxias (só perde para o Bar Gargarejo, no Cai N’Água). Ao “não se cabe em si”, o português é uma língua viva; em relação ao Carril, se temo pela vida, temo sim. Não acrescentei nada, basta entrar no Google e pesquisar pelo nome, que aparecerá mais de vintes paginas sobre o caso.

E não se fala mais.

ISCARIOTES

Não sei quem foi o feliz autor que cunhou o apodo de “Expertinho Júnior” quando se trata do senador moribundo (politicamente) Expedito Júnior (PSDB).

Pois bem, Júnior traiu o seu melhor amigo, governador Ivo Cassol, aquele o ressuscitou e o tirou da sarjeta política em que se encontrava.

Sabendo que há muito o candidato de Cassol era e é o “seo” João Cauhlla, o ex-aliado não quis nem saber, teria dito que age assim mesmo quando vê alguma vantagem. O negócio dele é faturar.

Mas isso não é surpresa para o pessoal da zona da mata. Júnior já pisou na bola com várias entidades assistencialistas, das quais arrancou votos prometendo mundos e fundos, só papo furado.

Agora, deste feita, quem está sabendo quem é o verdadeiro Júnior são os eleitores da capital, que não faziam a menor idéia da má e criminosa índole do parlamentar.

Deu uma banana ao governador Ivo Cassol, e para o pré-candidato do Palácio Presidente Vargas, o “seo” João Cahulla.

Com Júnior não tem dessas de amigos para sempre, o negócio dele é se dar bem e faturar politicamente.

A vala da Avenida 25 de Março, a mais importante de Rolim de Moura já está sendo preparada para receber, de volta ao lar, o seu antigo morador, que deverá levar um trôco da sociedade rolimeirense e rondoniense, nas eleições do próximo ano.

O parlamentar voltará a comer o entulho que o diabo amassou. Ele se esqueceu às suas origens, a de chapa (braçal que descarregava caminhões chegados do sul, carregados de legumes, e aquele estragados eram surrupiados pelo ex-chapa para alimentar os irmãos menores, na época).

Júnior e tão ardiloso, que colocou o governador Ivo Cassol numa enrascada que está custando ao chefe do executivo estadual os cabelos e noites sem dormir, dona Ivone reclama.

Segundo denuncias que correm na justiça, o senador teria pagado aos vigilantes de uma de suas empresas a merreca de R$ 100,00, aos vigilantes, para votar que votassem em uma nominata na qual estava, sem saber, o governador Cassol.

Muy amigo. Por conta disso, Cassol está em palpos de aranha junto ao TRE, TSE e STF.

Tai o pago que o “Expertinho Júnior” deu ao governador Ivo Cassol.

Olho vivo, amigo (e)leitor.

DEU NO PROGRAMA DO DALTON

Um inocente, vindo do interior, parou com a sua ‘magrela’ defronte a Central de Polícia, em Preto Velho, para colher algumas informações, ao sair teve uma desagradável surpresa: furtaram o seu velho “camelo”.

Chame o ladrão, chame o ladrão..., já diz a música de Chico Buarque.

*A coluna é publicada simultaneamente nos sites www.viamazonia.com (também impresso), www.paginapublica.com, www.Reporter1.com.br www.cadernodestaque.blogsplot.com , e www.orondoniense.com.br

E-mail: j.vasquez@bol.com.br

Comentário : MUI BUENOS, PERÍODISTA, RELATAR AQUELE ASSUNTO, SOBRE OS TRÊS APRESENTADORES, EM CONCUIR DIZENDO QUE VC, NÃO ESPERA QUE, O AGUIA AZUL FALEI DE GALINHADA/FEJOADA ...

Nenhum comentário